Oratório do Verbo Barroco, um evento de imersão

Postado por Daniel Araújo em 15 de novembro de 2018

Já imaginou poder viajar no tempo?

O 1º ORATÓRIO DO VERBO BARROCO foi um evento de imersão cultural num ambiente vivo que reproduz o Período Barroco Colonial Mineiro. O cenário foi a cidade histórica de Conceição do Mato Dentro, com seu belo casario bem preservado e igrejas coloniais, como a Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Nesse cenário de museu a céu aberto o público foi guiado pelo dramaturgo e ator Roberto Mallet por meio de uma série de atividades culturais que permitiram uma experiência intelectual, emocional e mística inesquecível.

——-

 

Seminário literário

O Oratório do Verbo Barroco foi aberto na manhã do dia 7 de dezembro, com o Seminário Literário Alphonsus de Guimaraens e a Devoção Mariana, realizada no Auditório da Câmara Municipal de Conceição do Mato Dentro, com a seguinte programação:

8:00 – Abertura com Bênção Sacerdotal e Recital Orativo de poemas do Setenário das Dores de Nossa Senhora, conduzido pelo dramaturgo Roberto Mallet.

8:30 – Apresentação do projeto Oratório do Verbo Barroco. Por Moysés Maltta, editor do Setenário das Dores de Nossa Senhora e coordenador do projeto.

9:00 – Palestra 1: O Papel das Artes na Vida da Igreja. Por Roberto Mallet, dramaturgo, ator e professor de interpretação e improvisação no Departamento de Artes Cênicas da Universidade de Campinas (UNICAMP).

9:40 – Lanche típico colonial.

10:15 – Palestra 2: O Setenário das Dores de Nossa Senhora: Celebração e Obra Magna da Literatura Simbolista Universal. Por Eduardo Veras, Doutor e Mestre em Literatura da Universidade Federal do Triângulo Mineiro.

11:00 – Palestra 3: Alphonsus de Guimaraens: Vida e Religiosidade em Conceição do Mato Dentro. Por Affonso Henriques Neto, Doutor em Comunicação, professor, poeta e neto de Alphonsus de Guimaraens.

12:00 – Caminhada até o prédio histórico do Mercado Municipal para o Almoço.

14:00 – Palestra 4: Restauro e descobertas artísticas na Igreja Matriz de Conceição do Mato Dentro. Por Rosângela Domingues, coordenadora de restauro da empresa Cantaria.

__

 

Exposição de oratórios e lançamento literário

Oratórios são peças devocionais utilizadas para expor uma imagem sacra e servir como marco de um local de oração. Na região de Conceição do Mato Dentro muitas famílias ainda preservam essas peças artísticas que podem ter um fino acabamento estético. A exposição reuniu na Casa de Cultura da cidade oratórios de moradores da cidade que foram catalogados pela Prefeitura.

No mesmo local ocorreu o lançamento festivo da obra-prima de Alphonsus de Guimaraens, o Setenário das Dores de Nossa Senhora. Participaram do evento, o secretário de Estado de Cultura de Minas Gerais, Professor Ângelo Oswaldo, e o superintendente de Bibliotecas Públicas do Estado, Lucas Guimaraens.

__

Concertos musicais

Duas apresentações de música sacra ficaram por conta do Coral Cidade dos Profetas, especialista em música colonial mineira. O grupo apresentou pelas marianas no Santuário Bom Jesus do Matozinhos na manhã do dia 8 e, à noite, na Matriz, cantou a Missa em Fá Maior do compositor serrano Joaquim Jose Emerico Lobo de Mesquita. Na tarde do dia anterior, dia 7, o trio baiano formado pelo Maestro João Omar (filho de Elomar Figueira Melo), Elton Becker e Petrônio Joab apresentaram seu Concerto Mariano na Capela de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

__

Festa da padroeira

Por fim, o público participou dos eventos marcantes da  315ª Festa de Nossa Senhora da Conceição. Logo após a alvorada festiva, houve a cerimônia de Coração de Nossa Senhora da Conceição e Procissão de Traslado da imagem da Padroeira, datada do início do século XVIII, do Santuário até a Matriz.

Por fim, a Missa Solene da Festa da Padroeira que contou com cerimônia de consagração do altar da Matriz reinaugurada na ocasião.

__

 

Projeto executado por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais – CA 0138/001/2016

POSTAGENS RELACIONADAS

Circuito Cultural do Diamante © Todos os direitos reservados.