Projeto resgata vida de Alphonsus de Guimaraens em CMD

Postado por Circuito Cultural em 28 de junho de 2019

Luma Costa fotografando a Matriz de CMD

 

Um dos resultados mais importantes do projeto Oratório do Verbo Barroco foi a redescoberta do mais importante poeta simbolista mineiro, Alphonsus de Guimaraens, especialmente chamando a atenção para o período de 11 anos em que o patrono da Academia Mineira de Letras viveu na cidade de Conceição do Mato Dentro. “Foi muito emocionante pra gente divulgar para as pessoas da cidade esse fato tão importante e que pouca gente sabia. Aos poucos fomos vendo a empolgação dos moradores em saber que na sua cidade morou um personagem com a força e a expressão internacional de um Alphonsus de Guimaraens”, declarou a designer gráfico, fotógrafa e artista plástica Luma Cecília Costa, que executou todo o trabalho de registro fotográfico do projeto.

Um dos objetivos do projeto foi reeditar a obra Setenário das Dores de Nossa Senhora, do simbolista mineiro, escrita nesse período em que viveu em Conceição do Mato Dentro, de 1895 a 1906. Para ilustrar o livro, o jornalista e coordenador do projeto, junto com a fotógrafa Luma Costa, percorreram as igrejas locais, especialmente a Matriz de Nossa Senhora da Conceição e o Santuário do Senhor Bom Jesus do Matozinhos em busca de pinturas sacras com as cenas das dores de Nossa Senhora que são citadas na obra poética. Também foram fotografados os locais frequentados pelo poeta quando viveu em Conceição do Mato Dentro, como o antigo casarão onde funcionou o Forum da Cidade e onde Alphonsus exerceu a função de juiz municipal.

 

Antigo Fórum onde Alphonsus trabalhou em CMD

 

UMA VIDA PACATA NO INTERIOR

A pesquisa incluiu ainda um extenso trabalho de pesquisa e registro fotográfico do acervo do Museu Casa Alphonsus de Guimaraens em que foram resgatadas fotografias antigas do artista na pequena cidade interiorana, assim como vários objetos pessoais dessa época. Vale destacar, entre os achados, o convite de casamento do poeta com Dona Zenaide Lima, moradora de Conceição do Mato Dentro, com quem teve quinze filhos, sendo quatro deles nascidos na cidade, inclusive o também escritor, o contista João Alphonsus.

Durante o Oratório do Verbo Barroco, evento que incluiu o lançamento do Setenário das Dores de Nossa Senhora na cidade, junto com uma série de eventos culturais, em 7 e 8 de dezembro de 2018, esteve presente o neto do poeta, o também poeta Afonso Henrique Neto, que participou do Seminário Literário “Alphonsus de Guimaraens e a Devoção Mariana” como palestrante. “Foi a primeira vez que o neto do Alphonsus esteve na cidade do seu avô e foi muito emocionante para nós e para ele percorrer os passos do poeta na cidade”, relembra Luma Costa, visivelmente emocionada.

Por fim, o resgate da história de Alphonsus de Guimaraens em Conceição do Mato Dentro despertou na classe artística da cidade, sobretudo entre as gerações mais jovens, o interesse pela obra do poeta. Um dos resultados mais marcantes foi a montagem de uma apresentação teatral baseada na obra Setenário das Dores de Nossa Senhora, realizada em maio de 2019, no adro da Matriz, pelo grupo de teatro municipal Maria Tiana, sob a direção de Riquinho Diana. O evento contou ainda com participação especial do Coral Municipal do projeto Viver é Arte, Socialização Musical. “Essa redescoberta do Alphonsus pela comunidade de Conceição do Mato Dentro, valorizando a obra do maior poeta católico mineiro, foi desde o início o nosso propósito para propagar a cultura mineira no que ela tem de mais grandioso e sublime”, concluiu o jornalista Moysés Maltta.

POSTAGENS RELACIONADAS

Circuito Cultural do Diamante © Todos os direitos reservados.